CLT para o comércio

CONTRATAÇÃO CLT PARA COMÉRCIO

No atual cenário brasileiro do mercado de trabalho, contratar por meio do CLT tem muitos benefícios, mas, além disso, não é a única opção para quem desejar ingressar no mercado de trabalho. Você também pode trabalhar/contratar por meio da PJ (Pessoa Jurídica), e esta nova forma de contratação está cada vez mais comum nos dias de hoje. Com isto em mente, qual dessas duas formas de contratação é a melhor para quem contrata e para quem é contratado? Qual delas se encaixa melhor em seu bolso? Confira a seguir neste artigo os benefícios e as diferenças entre a contratação CLT e a PJ para comércio.

ANTES DE MAIS NADA…

Primeiro de tudo, é altamente recomendado que qualquer profissional exija ser contratado formalmente. Isso vale também para quem deseja contratar. Por lei, você precisa elaborar um contrato formal. Na contratação por meio do CLT, hierarquias entre empregado e empregador são estabelecidas. Por outro lado, no caso do PJ, é altamente necessário estabelecer um contrato onde as obrigações de cada parte envolvida sejam claramente definidas, a fim de proteger a todos. 

Por meio do CLT, você precisa estar claro de que a oferta salarial oferecida pelo contratante não chegará 100% ao seu bolso devido aos impostos, tais como FGT, IR, INSS… Estes impostos são retirados diretamente do seu salário antes que eles cheguem a você (exceto em casos em que você é um empreendedor independente e foi contratado de forma autônoma e a curto prazo, neste caso, um contador pode te ajudar).

Se você optar pela contratação PJ, é altamente necessário e importante procurar um profissional de contabilidade para lidar com a tributação.

BENEFÍCIOS

Bem, todos sabemos que os benefícios da contratação PJ não podem superar em nada os benefícios da contratação CLT, por carteira assinada. A CLT impõe uma série de regras que você deve cumprir, tais como oito horas de trabalho diário e pode te proteger de muitos problemas. A desvantagem é que não há como escolher quando você executará as 8 horas de trabalho. Tendo isso em mente, você pode trabalhar tanto de manhã quanto pela noite.

Se você é comerciante e deseja contratar, é crucial respeitar as regas estabelecidas pela CLT para evitar problemas judiciais. Procure saber quais são estas regras e as inclua no contrato de trabalho do seu empregador.

Outro benefício da contratação CLT é a estabilidade. Se você contratou ou é contratado por alguém, é porque você ou essa pessoa acreditam que você pode passar um bom tempo neste trabalho. Se você escolheu a contratação PJ, é porque provavelmente realiza trabalhos a curto prazo.

A CLT também trata de pontos mais amplos, como registro de trabalho, proteção, atuação dos sindicados, Justiça do Trabalho, Carteira de Trabalho, proteção do trabalho para mulheres e menores de idade, cuidados no trabalho, férias, licenças e muito mais!

QUAL TIPO DE CONTRATAÇÃO ESCOLHER

Não existe um método eficaz para determinar qual tipo de contratação é a melhor ou mais apropriada para você, porque isso vai depender, em muitos casos, exclusivamente do seu contratante. Se você é contratante, deve primeiro se perguntar: quanto tempo você precisará dos serviços da pessoa a quem deseja contratar? Se for a longo prazo, a contratação CLT é melhor.

Se você é quem vai ser contratado, é essencial que você tenha uma noção básica da empresa a qual irá trabalhar e saiba que tipo de contratação esta empresa oferece. Se você se vê em uma situação onde pode escolher entre estes dois tipos de contratação, pese os pontos na balança, para te ajudar com isso, recomendamos que você busque um profissional contabilista para te ajudar a averiguar qual dos dois tipos de contratação é a mais benéfica para sua situação.

Por fim, não se trata de escolher uma contratação onde o imposto é menor, e sim onde todos saem ganhando.

Tags: No tags

Leave a Comment